13 presos perigosos fogem em São Luís; cinco agentes de plantão foram exonerados

A Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP) confirmou a fuga em massa de 13 presos de alta periculosidade da Unidade Prisional do Olho D’Água em São Luís. Três foram recapturados.

Segundo nota oficial da Seap, eles fizeram uma buraco na quadra de banho de sol e fugiram durante a madrugada desta terça-feira (20). Por achar que houve facilitação, cinco agentes foram exonerados.

Na região do Olho D`Água, Turu e adjacências, o medo se instalou. Os presos são estupradores e assassinos que cometeram crimes brutais, inclusive contra parentes.

Confira na íntegra a nota da SEAP:

Nota da Seap

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informa que 13 internos da Unidade Prisional de Ressocialização do Olho d’Água (UPODA) fugiram, na madrugada desta terça-feira (20). Três presos já foram recapturados pela Policia Militar, que segue nas buscas dos demais foragidos. A Polícia Civil instaurou inquérito para investigar as circunstâncias da fuga.

A Seap encaminhou para investigação interna da Corregedoria do Sistema Penitenciário do Maranhão, os nomes dos quatro Agentes Estaduais de Execução Penal (efetivos). Já para a exoneração imediata, enviou os nomes dos dois Agentes Penitenciários Temporários (contratados) e dos três Auxiliares de Segurança Penitenciária (temporários) que estavam de plantão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *