Bebianno cai após caso de candidaturas laranjas e embate com filho de Bolsonaro

Bebianno cai após caso de candidaturas laranjas e embate com filho de BolsonaroO porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, confirmou oficialmente, nesta segunda-feira 18, a exoneração do ministro Gustavo Bebianno, da Secretaria-Geral da Presidência.

Segundo ele, foi uma decisão de “foro intimido” do presidente Jair Bolsonaro (PSL). “O presidente agradece sua dedicação à frente da pasta e deseja sucesso na nova caminhada”, afirmou, sobre Bebianno.

A primeira queda de ministro do governo do capitão reformado do Exército ocorre após a revelação da Folha de S.Paulo sobre um esquema de candidaturas laranjas do PSL.

Pelo mesmo motivo, o agora ex-ministro foi chamado de mentiroso pelo vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), filho mais velho de Bolsonaro, na última quarta-feira 13, após falar ao jornal O Globo que havia conversado três vezes com o presidente no dia anterior, o que acabou agravando a crise.

O general Floriano Peixoto Vieira Neto assumirá o cargo. Ele será o oitavo militar no primeiro escalão do governo.

Fonte: Atual7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *