Escândalo: Professor universitário aplica calote na capa da Sexy, Bruna Ferraz, em São Luís

A modelo e micro-empresária, Bruna Ferraz, capa da Revista Sexy, que mora Rio Grande do Sul, foi vítima de um golpe aplicado por um professor universitário aqui em São Luis que não lhe pagou o acompanhamento e ainda conseguiu que a Presença Vip fosse presa.

O blog passa agora a narrar abaixo da foto todo o calvário que passou a modelo, ex-Miss Bumbum aqui em São Luís, após um encontro no Motel Eros, no Calhau.

Convidada para fazer um show na boate Crystal, a modelo havia programado ficar algumas horas no motel com o professor. Na madrugada do dia 05 deste, por volta das 5h da madrugada, como combinado por um site vip, eles foram para o Eros. Em lá chegando, o professor pediu para prorrogar por duas vezes o prazo de permanência, resultando em 31h.

O professor universitário impediu até com propostas para que Bruna Ferraz não fosse fazer o show na Crystal que ele pagaria o cachê. Tudo acertado e na hora de pagar a conta, o cartão estava zerado. Como garantia, o motel ficou com o celular dele. Já para a acompanhante, um documento manuscrito em que pagaria a quantia de quase R$ 20 mil e deixou um carro Ford K 2018.

Antes, porém, ele foi com o empresário da modelo nos bancos do Brasil e Santander. No primeiro não havia nada e no segundo até o limite estava estourado.

Dois dias depois, ela voltou a ligar para o professor, mas o celular continuava no motel. Na terça-feira, dia 09, com ele de posse do celular  ficou acertado um encontro para o pagamento de R$ 10 mil e o restante em uma promissória, na igreja católica do Calhau.

Quando estacionou o carro no local, a polícia chegou junto e dando voz de prisão para Bruna Ferraz por crime de extorsão alegando que ela teria se apossado do carro e ainda queria receber dinheiro para devolver o veículo. O pior: a Presença Vip foi presa junto com seu empresário no 6º DP, Cohab Anil, que não é a delegacia do caso, e liberada em seguida depois que apresentou um registro feito um dia antes querendo receber o que lhe era devido.

Conforme consta em BO registrado na Delegacia do Vinhais, local legal para tratar a questão, a modelo contou todos os detalhes acima aqui descritos e permanece na capital maranhense querendo receber o dinheiro. Mas para sua surpresa, vem recebendo ameaças do professor universitário do Curso de Enfermagem e de cursinhos aqui em São Luís.

Fonte: Luis Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *