Godofredo Viana | PM prende irmãos após furto dentro de Micro Ônibus

Irmãos Pinheirenses foram presos neste domingo (18) em Godofredo Viana.

A Polícia Militar de Godofredo Viana prendeu na tarde deste domingo(18) dois irmãos que viajavam de Pinheiro para Cândido Mendes em um Micro Ônibus da Empresa Diego Soares Transportes,a antiga HF Transportes. Segundo informações da PM, a guarnição de Godofredo Viana recebeu uma ligação de dentro do micro-ônibus em percurso relatando o roubo de um celular de uma passageira. 

A PM montou um barreira entre Godofredo Viana e Cândido Mendes onde interceptou o veiculo e efetuou a prisão dos irmãos, identificados como, Edilson Araújo Morais e Edmilson Araújo Morais. Os mesmos são naturais da cidade de Pinheiro e estavam presos no presidio da cidade,porém possuíam um alvará de soltura e usavam uma tornozeleira eletrônica.
Os irmãos foram apresentados na Depol de Cândido Mendes para que fossem tomadas as providências cabíveis.

moto furtada em Amapá do Maranhão e Polícia recupera e devolve ao proprietário

Uma moto roubada foi recuperada pela policiai da cidade de Amapá do Maranhão na noite deste sábado (17).

A PM foi informada de que teria ocorrido o roubo de uma motocicleta HONDA POP 110 VERMELHA e que os meliantes teriam ido em direção ao município de Carutapera. A PM saiu em diligência e próximo ao povoado Manaus avistou o suspeito,que ao receber á ordem de parada, o elemento efetuou um disparo contra a guarnição e evadindo-se mata a dentro.

A moto foi recuperada, e após os procedimentos legais, foi devolvida ao proprietário.

Hackers invadem site da Secretaria de Segurança do Maranhão

Um grupo de hackers conseguiu invadir o site da Secretaria de Estado da Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA).

O caso foi registrado na noite de ontem (18).

“Bombeiros, Polícia Civil e Secretaria de Segurança do MA caíram na hackeada da protowave”, dizia a mensagem dos invasores.

Na manhã de hoje (19), o site foi retirado do ar pelo próprio governo para “manutenção”

Fonte : G.lêda

Milagre! Bebê que foi atirado da ponte do São Francisco foi resgatado enterrado na lama até o pescoço

O bebê que foi atirado pela mãe Carla Regina Mendes Pereira, 20 anos, do alto da Ponte do São Francisco no início da tarde de ontem, domingo (18), só foi localizado por dois militares quando começou a chorar. A criança estava atolada até o pescoço, com a boca suja de lama, e, por pouco, não morre sufocada.

A mãe, que banhou o bebê e saiu de casa pela manhã, no Laranjal, na estrada de São José de Ribamar, sem ninguém perceber, chegou até a ponte por volta das 13h. Ela jogou o filho de uma altura de 30 metros. A criança caiu de pé e ficou atolada até o pescoço, com a boca suja de lama.

O militares, em ato de bravura, se jogaram na lama, retiraram a criança e a entregaram a um grupo de socorristas do Samu e encaminhada ao Socorrão I, no Centro da cidade. Aí veio outro MILAGRE! Após exames, ficou constatado que a criança não apresentou nenhuma fratura. Apenas manchas roxas nas costas.

Policiais salvaram o bebê.

O padrasto e a mãe da jovem garantiram que a filha já esteve na Clínica São Francisco, na Cidade Operária por três vezes e que em uma delas acabou sendo estuprada por outro interno. Eles estão processando a clínica por omissão e até agora nenhum resultado.

Fonte : Blog L.Cardoso

Delegado de Ubá descarta participação de dono de veículo na morte de vereadora

RIO DE JANEIRO – O delegado Gutemberg Souza Filho, titular da delegacia de Ubá (MG), descartou a participação do proprietário do veículo suspeito encontrado no município, nesse domingo (18), no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes. O carro, da marca Renault, modelo Logan, é semelhante a um dos veículos usados na emboscada e foi localizado graças a uma denúncia anônima.

O proprietário foi interrogado pela polícia e, segundo o delegado, não há elementos que o liguem, em princípio, à morte de Marielle e Anderson. “Ele negou. Não temos elementos para comprovar a participação dele”, disse Gutemberg.

Segundo o delegado, o carro foi periciado, mas não houve indícios de sua utilização no crime. Mesmo assim, o veículo, que tem placa do Rio de Janeiro, continuará apreendido, para aprofundar a investigação.

Imagens de câmeras de segurança mostram que, além de um automóvel Renault Logan, outro, da marca GM, modelo Cobalt, também participou da perseguição que terminou na morte de Marielle e Anderson, no bairro do Estácio, na noite do dia 14.

Fonte : Imirante