Vereadores de Bom Jardim realizarão sessão que poderá afastar prefeito

Vereadores de Bom Jardim realizarão sessão que poderá afastar prefeitoA Câmara Municipal de Bom Jardim definirá, nesta terça-feira 23, em sessão extraordinária, se afasta ou não de suas funções o prefeito Francisco Alves de Araújo, o Dr. Francisco (PSDB), apontado pelo Ministério Público do Maranhão em ato de improbidade administrativa e de infrações político-administrativas. A informação é do blog do Gláucio Ericeira.

De acordo com a publicação, os vereadores pretendem abrir a sessão com a leitura, em plenário, da denúncia elaborada pelo Parquet contra o gestor, suspeito de promover ilicitudes nos pregões presenciais n.º 017/2017 e n.º 020/2017, cujo objeto tratou-se de contratação de empresa para prestação de serviços de locação de veículos para transporte escolar e para demais atividades da prefeitura do municípios.

Juntos, os contratos chegam ao dispêndio de quase R$ 1,5 milhão aos cofres públicos.

Em outubro do ano passado, Dr. Francisco chegou a ser afastado do cargo por decisão do juiz de primeira instância Raphael Leite Guedes. O tucano foi acusado de liderar uma máfia de distribuição de combustíveis como forma de obter apoio político. Além dele, sete vereadores, suspeitos de recebimento de mensalinhos do prefeito, e o secretário municipal de Administração, Ayrton Alves de Araujo — irmão do prefeito — também tiveram, por determinação do magistrado, os bens bloqueados.

Apesar dos fortes indícios que apontavam para a existência da organização criminosa, menos de uma semana depois, o prefeito de Bom Jardim conseguiu retornar ao cargo por decisão do desembargador Cleones Cunha, então presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *