Vítimas de acidente com helicóptero Foram enterrados na tarde desta segunda-feira

Vítimas de acidente foram enterradas no Parque da Saudade e no Jardim da Paz.

Foram enterrados na tarde desta segunda-feira (2) as vítimas de acidente com helicóptero modelo Robson 44, prefixo PP- WRV. A aeronave caiu em uma fazenda próxima ao município de Rosário, que fica a 75 km da capital São Luís.

O piloto da aeronave e policial civil, Alfredo Oliveira Barbosa Neto, foi enterrado às 16h, no cemitério Jardim da Paz, na Estrada de Ribamar, localizada na região metropolitana de São Luís. Ele foi velado durante a manhã na Igreja Perpetuo Socorro, na Cohab.

Já os médicos foram enterrados no cemitério Parque da Saudade, no Vinhais, às 16h30. Familiares, amigos e pacientes estiveram presentes durante o velório realizado durante a manhã na sede do Conselho Regional de Medicinal (CRM), no Renascença.

José Cleber Luz Araújo tinha 43 anos e era gastroenterologista; Rodrigo Capobiongo Braga, de 39 anos, era cirurgião vascular; e Jonas Eloi da Luz era anestesista e tinha 58 anos. Alfredo Oliveira Barbosa Neto era policial civil e ex-membro do Centro Tático Aéreo.

Relembre o caso

O helicóptero, que saiu de Lima Campos e pousaria em Paço do Lumiar, caiu em uma área de matagal no povoado Nambuaçu de Cima, em Rosário. Por causa do mau tempo, a aeronave voava baixo e bateu em uma árvore.

Os corpos das vítimas foram retirados das ferragens do helicóptero pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML), em São Luís, e, depois, liberados para as famílias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.