Serial killer é preso por tentativa e estupro de 11 mulheres em cidade do Maranhão

Ele é uma pessoa equilibrada, calma, mas agia sempre com muita violência para estuprar suas vítimas. Francisvaldo  Sousa Barros foi preso ontem e reconhecido por dez das 11 mulheres.

Entre os anos de 2016 a 2018, o serial killer estuprava mulheres que geralmente faziam caminhadas cedo da manhã ou quando iam ou vinham do trabalho, sempre usando de muita violência na cidade de Barão do Grajaú.

Em alguns casos, o ato não foi consumado por pura sorte das vítimas, como uma em que foi salva por cachorros quando o estuprador já levava a mulher para o matagal.

O delegado Firmino Vilarinho cumpriu o mandato de prisão e informou que a população anda revoltada desde quando soube dos casos de estupros praticados por Francisvaldo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *