Delegados negam que PMs do Pará tenham sido presos por assassinato do prefeito de Davinópolis

Os delegados Lúcio Rogério e Praxisteles Martins desmentiram, hoje (21), boatos de que dois policiais militares do Pará teriam sido presos por envolvimento na morte do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva (PRB).

Informações nesse sentido começaram a circular na noite de ontem (20) e chegaram a ser divulgadas em programas de TV e blogs locais.

“Alguém resolveu publicar suas próprias convicções em redes sociais sem nenhuma base no que está sendo apurado”, destacou Lúcio Rogério.

Já Praxisteles Martins destacou que, ao disseminar o boato, publicaram-se até fotos dos supostos PMs cujas prisões teriam sido decretadas.

“Inclusive foram veiculadas fotos dessas pessoas e esse fato não é verdade”, completou.

Fonte: Gilberto Léda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *